Silvestre Kuhlmann

Artigos

Boas e Más Notícias

Às vezes as pessoas dizem: “tenho uma notícia boa e uma notícia má; qual delas você Quer ouvir antes?” No evangelho não existe escolha; primeiro as más notícias:

“Esvazia-me de mim / Pra que caiba mais de Ti / Dentro em mim / Até os limites /
Santifica-me / Pra que, como espelho limpo / Eu reflita / O brilho que há em Ti /
Não tenho luz própria / Mas só a que vem de Ti / Não tenho nada a Te ofertar /
Vem, derruba a minha casa / Pra depois edificar / Um palácio onde venhas / Tu mesmo morar /
Sei que habitas num alto e santo lugar / Mas também ao lado do contrito e abatido /
Ó Alto, Ó Santo, Ó Supremo Arquiteto / Vem, derruba a minha casa / Pra depois edificar.”

Este é o evangelho de Jesus: depois do arrependimento pelo pecado, depois da profunda tristeza de ter ofendido a Deus, aí vem o perdão, a ressurreição, a profunda alegria da vida que se encontra em Cristo.

A metáfora da semente que morre e é enterrada pra depois vir o broto, a flor, o fruto, é a poesia cristã que nos aproxima da lição que devemos aprender: Péssimas notícias: A maldade humana.

Excelentes notícias!: Jesus é a cura para a nossa doença, Jesus é o libertador de tudo que nos aprisionava, e a ressurreição de Seu corpo nos dá a certeza da vitória sobre a morte, que não deve ser mais encarada como ponto final, mas só como uma paradinha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *